A cada 10 aposentados, 7 querem aproveitar o tempo com viagens

De acordo com levantamento de empresa de turismo, após se aposentarem e juntar dinheiro, pessoas com 60 anos ou mais buscam conhecer novos lugares aproveitado diferentes oportunidades

Com o aumento da expectativa de vida da população, cresce também a busca pelo lazer e entretenimento entre as pessoas na melhor idade. Uma pesquisa realizada pelo e-commerce de viagens Booking.com aponta que 77% dos viajantes brasileiros com 60 anos ou mais dizem que viajar será a melhor forma de aproveitar o tempo livre que terão com a aposentadoria.

Após se aposentar e juntar dinheiro, esse público busca conhecer vários lugares e aproveitar diferentes oportunidades. Seja a sós ou em grupo, o turismo na melhor idade é definido por especialistas do setor como ‘aquele destinado à melhoria da qualidade de vida, desenvolvendo roteiros, programas e atrativos específicos para eles’.

Em 2021, dos cerca de 210 milhões de habitantes do país, 37,7 milhões possuíam 60 anos ou mais, segundo dados do Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos). Em 2060, um quarto da população deverá ter mais de 65 anos, de acordo com dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Segundo a head de hospitalidade, vendas e marketing da STAY, Vanessa Pires Morales, essa parcela crescente do público é disputada por empresas de turismo que oferecem pacotes com destinos diversos, como santuários ecológicos, cidades históricas e roteiros gastronômicos, além de roteiros internacionais. A STAY é uma empresa do segmento de hospitalidade que realiza gestão 360 e locação de empreendimentos do ramo por todo o País.

“O turismo na melhor idade fomentado por agências pode alimentar o setor em períodos de baixa temporada, uma vez que o público 60+ pode viajar aproveitando os destinos com mais tranquilidade e sossego”, exemplifica Vanessa

Busca em comum

A empresária explica que na maioria das vezes o público da melhor idade busca em uma viagem alguns pilares em comum como fazer novos amigos, segurança e acessibilidade, além de ter novas experiências, tanto culturais quanto gastronômicas. “É um público com necessidades diferentes da maioria dos turistas. São pessoas que, em alguns casos, esperaram a vida inteira para conhecer determinado local. Então a viagem precisa ser segura e inesquecível”, reforça.

Fonte: Campos Nogueira Comunicação

Inscreva-se

Nossos colunistas

456 POSTS

Colunas

Conheça dicas fáceis para uma rotina de hábitos mais saudáveis

Comece 2024 cuidando do seu bem-estar sem sair de...

Que tal começar o ano com hábitos saudáveis?

Dra. Mariela Silveira, diretora médica do Kurotel, fala sobre...

Descubra os poderes do Cranberry para saúde

Neste momento, uma imensa luta está se travando por...

Artigos populares

Jurema Águas Quentes terá atividades monitoradas durante a Páscoa

O destino contará com celebração da missa de Páscoa Jurema...

Bariloche prepara maior barra de chocolate do mundo para a Páscoa

A tradicional Festa Nacional do Chocolate será o principal...

Japan House São Paulo destaca atividades sobre o universo do chá japonês

Durante a segunda quinzena de fevereiro, a Japan House São...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui