5 dicas para produzir eventos para a terceira idade

Not_051784Um nicho que tem crescido bastante é a produção de eventos para idosos, visto que pessoas com idade mais avançada costumam frequentar eventos variados em seu tempo livre. Como os idosos estão vivendo cada vez mais com muita saúde, eles podem aproveitar bastante essas oportunidades. E, claro, eles acabam sendo exigentes em relação à organização. Por isso, você deve entender como produzir eventos para a terceira idade, a fim de proporcionar uma boa chance de diversão para esse público-alvo.

Antes de ver como produzir eventos para a terceira idade, vale lembrar que é necessário ter o máximo de organização possível, assim como você teria ao organizar qualquer outro tipo de evento. Dessa maneira, será mais fácil conseguir alcançar os objetivos traçados e ter sucesso entre a maioria dos frequentadores.

Veja como produzir eventos para a terceira idade

1. Local do evento

Não esqueça de que a escolha do local onde o evento se realizará deve levar em conta diversos fatores. É o caso da capacidade de público do lugar, para que o número estimado de participantes esteja em sintonia com a quantidade de pessoas que o local comporta. Além disso, lembre-se de checar se tal local apresenta todas as condições necessárias para permitir um aproveitamento completo do evento, sem riscos à saúde dos idosos. Assim, nada de alugar lugares que não tenham rampas ou corrimões em pontos específicos e pisos antiderrapantes, por exemplo.

Outra coisa importante a se considerar é a facilidade para acessar o local. Evite escolher lugares que não possuem estacionamento próprio, por exemplo. Dependendo do evento, também é interessante oferecer um serviço de busca e entrega em casa, visto que muitos idosos nem sempre têm condições de ir sozinhos e nem todos contam com pessoas para acompanhá-los até eventos.

2. Horário do evento

Os cuidados nas suas decisões a respeito de detalhes de cada evento também devem incluir precauções ao fechar o horário. O ideal é que a hora para começar não seja muito tarde, afinal de contas, idosos não apresentam mais aquele pique para ficar até altas horas dançando ou fazendo qualquer outra atividade capaz de deixá-los cansados.

3. Alimentação no evento

Em geral, algumas festas para o público mais jovem não contam com muitas opções de comida para seu público, uma vez que boa parte dele costuma beber mais do que comer nesses encontros para diversão. Porém, isso não deve ocorrer em eventos para a terceira idade, pois os idosos não bebem mais como antes e precisam se alimentar direito quando estão em reuniões de lazer com outras pessoas.

O recomendável é consultar um profissional especializado para definir os alimentos mais saudáveis para o público de idade avançada, sem fazer que este perca a vontade de comer ao ver os quitutes e outras opções fornecidas por você. Alimentos diet e light tendem a fazer sucesso, pois muitos idosos já estão acostumados com esses alimentos, que fazem parte da sua rotina em função de problemas de saúde recorrentes.

E já que estamos falando em comida e bebida, também é fundamental se preocupar com o serviço de garçons, que deve ter tanta qualidade quanto o de preparo dos alimentos. Sendo assim, contrate pessoas qualificadas e pacientes, afinal, idosos podem demorar um pouco mais na hora de decidir o que vão querer.

4. Medidas de segurança

De forma semelhante a outros eventos, é indispensável contar com medidas de segurança para garantir a proteção de todos os envolvidos no evento para idosos. Mais do que ficar atento a questões imprescindíveis para prevenção de acidentes na estrutura do local, bem como no posicionamento de objetos e equipamentos, você precisa separar uma parte do seu orçamento para uma equipe médica de prontidão no evento. Desse jeito, a qualquer sinal de problemas ligados à saúde de algum participante, os profissionais não perderão tempo em prestar auxílio ao idoso em questão.

5. Atenção a cada tipo de evento

É bom saber que cada tipo de evento requer alguns diferenciais, com o intuito de possibilitar uma grande satisfação do público. No caso de um baile dançante, por exemplo, a atenção às músicas é um fator-chave. Portanto, contrate um DJ antenado com os gostos do público ou uma banda capaz de fazer a alegria dos idosos, a partir de uma seleção musical cheia de clássicos.

Quando o público estiver animado e participativo, é bacana permitir uma interação maior, incluindo sugestões musicais no repertório e até a apresentação do próprio público, numa espécie de show de talentos, pois muitas pessoas adoram mostrar que sabem cantar e dançar.

Um tipo de evento mais sério, mas não menos atrativo, é o leilão. Basta ser criativo para produzir um leilão bem divertido para a terceira idade. Além de cuidar da seleção dos objetos que serão leiloados, escolha a dedo quem vai ser o leiloeiro. Quanto mais descontraído for o leiloeiro, melhor será o evento.

Por fim, não dá para falar de eventos da terceira idade sem citar os tradicionais bingos. Tome cuidado para não confundir os participantes durante as rodadas. Contudo, isso não quer dizer que não é possível inovar um pouco, seja no tipo de bingo ou na forma de marcação. Por conta disso, pesquise diferentes maneiras de fazer bingos adequados ao seu público-alvo.

Agora que você conhece as maneiras de produzir eventos para terceira idade, basta se planejar o mais cedo possível, com a finalidade de assegurar o êxito do seu trabalho. Depois, volte ao nosso site para conferir outras dicas e para compartilhar suas experiências na sessão de comentários abaixo.

 

Fonte: Produzindo Eventos 

Inscreva-se

Nossos colunistas

456 POSTS

Colunas

Conheça dicas fáceis para uma rotina de hábitos mais saudáveis

Comece 2024 cuidando do seu bem-estar sem sair de...

Que tal começar o ano com hábitos saudáveis?

Dra. Mariela Silveira, diretora médica do Kurotel, fala sobre...

Descubra os poderes do Cranberry para saúde

Neste momento, uma imensa luta está se travando por...

Artigos populares

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui