Como manter a felicidade no casamento na segunda metade da vida?

Em “Casados e ainda apaixonados”, lançamento da Editora Mundo Cristão, Gary Chapman e Harold Myra oferecem conselhos sábios e uma visão prática sobre o sucesso do casamento de homens e mulheres unidos há décadas
Como será desfrutar o casamento depois de cinco, seis décadas de vida ou mais? Sim, o período da melhor idade pode trazer mais alegria à medida que se conhece melhor um ao outro, e talvez até mesmo em paz com a vida que se leva.

O casamento, no período do “ninho vazio” (quando os filhos já não moram com os pais), pode ser um tempo de companheirismo e contentamento. Apesar disso, não se pode ignorar a realidade das limitações físicas, a preocupação com a aposentadoria ou com os filhos crescidos. Todos estão sujeitos à solidão à medida que os amigos se mudam. Alguns continuam pagando a faculdade dos filhos ou planejando o próximo estágio da carreira profissional deles. A sabedoria que provém da experiência muitas vezes parece uma confissão do quanto ainda não se sabe. Mais uma vez, como isso tudo funciona?

A receita para construir um casamento robusto é conhecida: comunicação, respeito mútuo, tempo na companhia um do outro e uso de estratégias saudáveis para a solução de conflitos. E casais maduros também têm muita sabedoria e experiência para compartilhar acerca desses desafios. É nessa fase que muitas coisas boas podem acontecer: aprofundamento da capacidade de prestar atenção às coisas pequenas; obtenção de conhecimento mais firme e profundo do cônjuge (e de si próprio); sentimento de alívio por não precisar competir com os outros. Isso tudo, porém, não basta para um número crescente de casais que atravessam a segunda metade do casamento. A geração pós-guerra (ou baby boomers) enfrenta hoje uma explosão de divórcios. Outros tantos ainda se sentem presos e infelizes no casamento. Ter um matrimônio longevo não basta. O que está acontecendo? Qual é a razão do contraste entre esses

casais infelizes (ou estoicamente resignados) e aqueles que ainda andam juntinhos de mãos dadas?
Leitura instrutiva, Casados e ainda apaixonados, obra publicada pela Editora Mundo Cristão e escrita por Gary Chapman e Harold Myra, é livro indicado a todos que já disseram ou desejam dizer sim à magnífica oportunidade de construir a vida a dois. Repleto de conteúdo que estimulará o leitor a encontrar uma rota de felicidade, a despeito das lutas que, de uma forma ou outra, cada ser humano vivencia ao longo da jornada. Uma obra para ser lida e relida enquanto os cônjuges, em unidade de propósito, escrevem juntos uma linda história de amor. A novidade chega às livrarias de todo o Brasil em setembro.

Inscreva-se

Nossos colunistas

460 POSTS

Colunas

Artigos populares

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui