Dia Mundial da Saúde: a gratidão e o bem-estar físico e emocional

Por Marcia Luz*

Já não é nenhuma novidade que adotar uma alimentação equilibrada e praticar exercícios físicos com certa frequência são hábitos que contribuem diretamente para uma boa saúde. Outro fator de que se fala menos, mas também é capaz de atuar positivamente sobre a saúde, é a gratidão.

Neste Dia Mundial da Saúde, celebrado em 7 de abril, trago um estudo muito interessante, conduzido por Paul Mills, professor de medicina da Universidade da Califórnia, que atesta que o hábito de agradecer tem impacto na qualidade de vida das pessoas.

Ele reuniu um grupo de 186 homens e mulheres, durante um período de dois meses. Para fazer parte do experimento, as pessoas precisavam apresentar algum tipo de insuficiência cardíaca, justamente porque o objetivo do médico era testar o quanto o exercício de gratidão poderia trazer benefícios nessa área da saúde.

Os participantes precisavam utilizar um “caderno da gratidão”, no qual, durante dois meses, anotariam os motivos pelos quais eram gratos. Os resultados dessa pesquisa são surpreendentes: após o período proposto, ficou constatado que houve uma redução dos níveis de vários biomarcadores inflamatórios, o que fazia com que os problemas cardíacos fossem muito menos frequentes. Além disso, as pessoas tiveram as condições de saúde restabelecidas em boa parte, senão em sua totalidade.

Ficou comprovado ainda que quem expressa gratidão tem um humor melhor. Ou seja, são pessoas de bem com a vida e que conseguem enxergar o lado bom das coisas em vez de reclamar sempre; dormem melhor; são mais eficazes na resolução de problemas (já que são mais assertivas, vão direto ao ponto e não se perdem ou se distraem com possibilidades de problemas que podem surgir); e também têm menos probabilidade de desenvolver inflamações – o ponto central da pesquisa. 

A gratidão, portanto, proporciona mais qualidade de vida, mais saúde, faz tudo funcionar melhor no dia a dia. Em suma, a vida vai se encaixando com mais leveza. Precisa de mais motivos para praticar a gratidão? Nesse Dia Mundial da Saúde, além de melhorar sua dieta e reforçar os exercícios físicos, experimente adotar esse hábito simples, mas que traz tantos ganhos.

 

*Marcia Luz é psicóloga, professora, coach, autora do livro “A gratidão transforma” e realizadora do 1º Congresso Mundial da Gratidão (Comgratidão), que reuniu 40 mil participantes em 2016. Mais informações em www.marcialuz.com 

Inscreva-se

Nossos colunistas

456 POSTS

Colunas

Conheça dicas fáceis para uma rotina de hábitos mais saudáveis

Comece 2024 cuidando do seu bem-estar sem sair de...

Que tal começar o ano com hábitos saudáveis?

Dra. Mariela Silveira, diretora médica do Kurotel, fala sobre...

Descubra os poderes do Cranberry para saúde

Neste momento, uma imensa luta está se travando por...

Artigos populares

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui