Esculturas ocupam a Avenida Paulista no Corpus Christi para falar de paz

Obras do escultor Gilmar Pinna retratam caminho de Jesus e mostram importância do legado de amor e compreensão

O caminho de Cristo guia a nova exposição do escultor Gilmar Pinna, que será aberta no dia 8 de junho, comemoração de Corpus Christi, nas dependências externas do Edifício Cetenco Plaza. As esculturas da mostra “O Caminho: A Vida Pública de Jesus Cristo” estarão no passeio público contornando o prédio entre a avenida Paulista e a alameda Rocha Azevedo.

Com caráter itinerante, a exposição começou no início de 2023 na cidade de Amparo (SP) e por lá ficou 90 dias. Em sua segunda montagem, pela primeira vez na capital paulista, as obras farão parte da paisagem urbana de um dos endereços mais emblemáticos de São Paulo, onde também está localizado o Tribunal Regional Federal da 3ª Região. “Eu me considero um artífice da palavra de Deus, então, vou usar este espaço muito generoso da Avenida Paulista para fazer uma reflexão sobre tolerância, doação, paz, qualidades tão necessárias neste momento turbulento que o Brasil passa, com ódio e aumento da violência, inclusive nas escolas”, conta o escultor, que monta a exposição a convite da administração do Edifício Cetenco Plaza.

Com mais de 50 anos de carreira, o artista autodidata fez uma seleção com 50 obras de grandes proporções. Feitas durante os últimos dois anos, as esculturas são forjadas em aço inox e têm entre 3 e 7 metros de altura. Os personagens retratados trazem cenas conhecidas do novo testamento, como o nascimento do menino Jesus na manjedoura, o batismo por João Batista e a Via Crucis do mártir, no final de sua vida.                        

Influenciado por artistas como o italiano Umberto Corsucci e o espanhol Fernando Odriozola (1921-1986), Pinna começou a esculpir aos 10 anos de idade, em primeiro momento com materiais frágeis como areia e, anos mais tarde, com cobre, aço e ferro. Alguns de seus trabalhos, como os que expôs no Memorial da América Latina, em 2006, chegam a pesar 20 toneladas.

 “É uma exposição para mostrar a importância do perdão e do amor, algo que eu já tratei em outros trabalhos, inclusive trazendo elementos de outras religiões, como o budismo, candomblé, espiritismo, zoroastrismo, wicca e outros ícones de 6 mil anos até os dias de hoje”, conta o artista.

Sobre o artista: Gilmar Pinna, 65 anos, é natural de Ilhabela, litoral do estado de São Paulo e vive e trabalha na cidade de Guarulhos. Começou a esculpir na infância, tendo conquistado, com apenas 12 anos, o primeiro Prêmio de Escultura em Areia do Litoral Norte Paulista. Tem obras expostas em praças públicas de cidades dos Estados Unidos e em países da Europa, como Portugal e Espanha. Em São Paulo, já expôs no Conjunto Nacional, Parque Ibirapuera e no Memorial da América Latina. Em 2013, recebeu o título de Doutor Honoris Causa pelo FIG-UNIMESP Centro Universitário Metropolitano de São Paulo.

Serviço:

O Caminho: A Vida Pública de Jesus Cristo

Quando: 8 de junho até 20 de agosto

Local: Edifício Cetenco Plaza

Endereço: Avenida Paulista,1381 São Paulo – SP

Gratuito – Classificação indicativa: Livre

Inscreva-se

Nossos colunistas

456 POSTS

Colunas

Conheça dicas fáceis para uma rotina de hábitos mais saudáveis

Comece 2024 cuidando do seu bem-estar sem sair de...

Que tal começar o ano com hábitos saudáveis?

Dra. Mariela Silveira, diretora médica do Kurotel, fala sobre...

Descubra os poderes do Cranberry para saúde

Neste momento, uma imensa luta está se travando por...

Artigos populares

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui