Uhelp.com une nomes importantes para campanha de adoção de animal

unnamedA  ONG Uhelp.com, responsável por unir nomes como Ampara Animal, Luiz Proteção Animal, Praça Velorama e Dog Zone Villalobos/Portinari, realizará a campanha Adote um PET com deficiência.  O evento terá  duas edições na cidade de São Paulo. A primeira no dia 30 de agosto e, a segunda, no dia 20 de setembro, com a participação de nomes como Ampara Animal e Luiz Proteção Animal.

O objetivo do evento é incentivar a adoção e promover a conscientização de que um animal com deficiência é um pet como todos os outros, pois apesar de suas limitações, a capacidade de superação que eles têm é infinitamente superior. E cá entre nós, participar desse processo e conviver diariamente com cada progresso é uma experiência única e extremamente gratificante.

A Campanha tem a hashtag #especialmentediferente, criada pela Ampara Animal, e contará com duas edições da feira de adoção, em pontos distintos da capital paulista. A primeira acontece no dia 30 de agosto, na Praça Velorama, na Rua Groenlândia, 848. No dia 20 de setembro, é a vez do Dog Zone nos parques Villalobos e Portinari, na zona Oeste de São Paulo. Já estão confirmadas, até o momento, as participações da Ampara Animal e da Luiz Proteção Animal, ambas com trabalhos voltados para adoção – e que incluem pets com deficiência.

Juliana Camargo, presidente da Ampara Animal explica que “são considerados pets com deficiência os que apresentam problemas motores, mentais, renais, idosos, amputados, cegos e os de cor preta, uma vez que têm menor índice de adoção”. Para Livia Clozel, Comunicação e Estratégia da Uhelp.com, “um pet com deficiência tem uma vida normal: muitos deles não precisam sequer de acompanhamento médico por conta da deficiência, e todos são grandes companhias! Sem contar que, na verdade, o preconceito é que é uma deficiência!”

Depoimentos de quem já adotou um pet com deficiência

Giuliana Stefanini é gerente da Luiz Proteção e adotou o Frederico há pouco mais de um ano. Para ela, cuidar do cãozinho da raça dachshund já é natural: “é como escovar os dentes”, revela. Ela revela que foi a melhor coisa que já fez na vida: “o Fred é um anjo!”. O pet tem deficiência física e precisa usar andador nas patas traseiras, mas nem por isso deixa de fazer estripulias e encher a dona de orgulho. Giuliana enfatiza que é muito importante divulgar a causa dos pets com deficiência, porque é muito difícil alguém adotá-los. “Infelizmente, eles ficam esquecidos, pois as pessoas têm preconceito”, declara. Livre-se do preconceito e abra o coração: adote um animalzinho com deficiência. Muito além de um ato de amor, é uma oportunidade de conhecer seu melhor amigo.

Adote um Pet com Deficiência – 1edição

Data: 30 de agosto

Local: Praça Velorama | Rua Groenlândia, 848 | Jardim América

Horário: 9h às 18h

Adote um Pet com Deficiência – 2edição

Data: 20 de setembro

Local: Dog Zone Villalobos/Portinari | Avenida Professor Fonseca Rodrigues, 2001 | Alto de Pinheiros

Horário: 9h às 18h

Inscreva-se

Nossos colunistas

460 POSTS

Colunas

Conheça os benefícios científicos do “cafezinho”

O café é uma das bebidas mais consumidas em...

A importância do diagnóstico precoce para a insuficiência cardíaca

Feito por meio de avaliação clínica, o diagnóstico da...

Como alergias alimentares podem prejudicar sua saúde e como resolver

As alergias alimentares são uma preocupação crescente em todo...

Artigos populares

Enjoy Punta del Este Hotel recebe Enjoy Poker Tour 2024

Hotel organiza principal torneio de poker da América Latina...

Começa o Festival do Camarão de Caraguatatuba

Começa hoje o tradicional Festival do Camarão de Caraguatatuba,...

“Navio Roupa Nova 2025” terá Fábio Jr como convidado

Seguindo a tradição de realizar grandes festivais em alto...

Caldos e sopas: “conforto e imunidade em uma tigela”

"As sopas e caldos são ótimas opções para quem...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui